Home Blog Chá das Minas Percentual de mulheres na Indústria canábica americana cai, mas ainda é forte!

Percentual de mulheres na Indústria canábica americana cai, mas ainda é forte!

A porcentagem de mulheres em cargos executivos em negócios canábico caiu drasticamente nos últimos dois anos, de acordo com uma pesquisa do Marijuana Business Daily.

Mas há uma boa notícia: a porcentagem ainda continua maior que a média dentre todas outras áreas nos EUA.

A pesquisa mostrou que as mulheres hoje ocupam 27% dos cargos a níveis executivos na indústria da maconha, número que na última pesquisa, em outubro de 2015, era 36%.

E isso ainda significa muito quando comparado aos negócios dos EUA como um todo, onde o percentual cai pra 23%.

Uma pesquisa anônima feita online entre 9 e 13 de agosto contou com 567 pessoas que se auto identificaram executivos da indústria canábica e fundadores/proprietários.

Os resultados são surpreendentes considerando que muitos empreendimentos se esforçaram para atrair mulheres tanto como profissionais quanto como clientes – se distanciando de anúncios e seleções de emprego sexistas que anteriormente caracterizavam a indústria.

Mas uma grande mudança aconteceu nos últimos dois anos, o que incide diretamente no declínio do percentual feminino em papéis executivos.

O setor da cannabis tem crescido muito rápido, com novos empreendimentos abrindo a todo momento.

A expansão, combinada com o aumento da aceitação social do uso de maconha, atraiu empreendedores e investidores do mainstream, onde o ramo é dominado por, nada mais, nada menos que 75% de homens em cargos executivos. E eles começaram a se infiltrar na indústria da maconha.

Ao mesmo tempo, os custos e as barreiras para abrir um negócio canábico caíram bastante nos últimos anos. As empresas do ramo da maconha estão tendo que lidar com uma competição mais acirrada, fazendo com que muitos procurem um financiamento adicional para melhorar seu negócio.

Essas tendências tendem a favorecer os homens, que geralmente tem mais conexões no mundo dos investimentos e das finanças – o que pode ser muito valioso para uma empresa que está precisando de dinheiro.

O setor de investimento da indústria da cannabis é também predominantemente dominado pelos homens, visto que as mulheres ocupam apenas 10% dos cargos nessa área.

Ainda assim, os cargos executivos na indústria canábica ocupados por mulheres representam um número maior do que cargos executivos ocupados por mulheres em qualquer outra indústria americana.

Original AQUI

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos posts

De saúde ao mundo dos negócios, a maconha é uma fábrica de notícias

Falamos da cannabis abordando diferentes aspectos: saúde, economia, segurança pública, cultura, história, esportes… por João Henriques / Ilustração: Felipe Navarro Antes de começar a leitura deste...

Nelson Motta revela que fuma maconha todos os dias há 55 anos

Jornalista, que está com 74 anos, falou com naturalidade sobre seu hábito diário de consumir cannabis e ainda atestou: "Tenho uma memória incrível" Sem tabus...

Governo age para brecar liberação da maconha medicinal

Projeto de Lei que regulamenta venda de remédios e uso está parado na Câmara, enquanto Anvisa adiou votação de regulamentação do plantio revista para esta...

Pesquisadora defende regulamentação da Cannabis Medicinal: ‘Temos de saber o que o paciente está tomando’

Akemi alerta para o risco do uso do medicamento sem orientação Na próxima terça-feira, quando a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) julgar se regulamenta...

Pedidos para maconha medicinal triplicam nos tribunais mineiros

O uso da maconha medicinal no tratamento de epilepsias, esclerose múltipla, dor neuropática e paralisia cerebral tem ganhado cada vez  mais força em Minas....