Universidades do Piauí fecham acordo para pesquisa de canabinóides

Hemportagem

hempadao 15 março, 2017

Finalmente a ciência canábica começa a avançar no Brasil. A Universidade Federal do Piauí (UFPI) e a Universidade Estadual do Piauí (UESPI), em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado, firmaram um convênio para desenvolvimento de pesquisas com canabinóides, que podem resultar, no futuro, no desenvolvimento de novos medicamentos e terapias.

Também é importante destacar a importância da medicina canábica brasileira ter espaço para pesquisa dentro da universidade pública e do SUS. Na última quinta-feira (09), aconteceu o I Simpósio Sobre Uso Medicinal dos Canabinoides, promovido pelo Governo do Estado do Piauí em parceria com a UFPI, UESPI e SESAPI. 

“Com respeito à pesquisa do canabidiol, poderemos colaborar no controle de qualidade com nossos laboratórios de química e da Farmácia Escola além de realizamos diversas pesquisas para o seu desenvolvimento e uso”, declarou o Reitor da UFPI, Prof. Dr. José Arimatéia Dantas Lopes. 

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), também participou do seminário e relatou uma história pessoal de tratamento com maconha por uma filha. “Faremos todo o esforço para garantir os avanços na pesquisa e a difusão de debates para aspectos legais do uso medicinal dessa substância e de outras no país”, afirmou o governador. 

Assista abaixo o I Simpósio sobre uso medicinal dos canabinóides:



Uma resposta para “Universidades do Piauí fecham acordo para pesquisa de canabinóides”

  1. Dyogo disse:

    Muito bom, Vlw! Hempa pela divulgação e informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina