Indústria farmacêutica financia campanhas contra a legalização da maconha

Chapa2

hempadao 10 fevereiro, 2017

Que a legalização da maconha tem muitos inimigos todo mundo já sabe. Um deles é a poderosa indústria farmacêutica, que lá nos Estados Unidos entrou pesado no financiamento de campanhas e lobbys anti legalização. 

Em caso recente a Insys Therapeutics doou R$ 1,6 milhões para a campanha contrária à legalização da maconha no estado norte-americano do Arizona. Os motivos dessa ação podem ser facilmente explicados com uma rápida pesquisa sobre a empresa.

Atualmente, a Insys Therapeutics comercializa apenas um medicamento: o Subsys, uma forma de spray oral de fentanil, um analgésico poderoso feito a partir do ópio e altamente viciante. Provavelmente os proprietários da empresa olham o potencial analgésico da cannabis com forte concorrente do Subsys. 

“Estamos verdadeiramente chocados com a decisão dos nossos adversários em receber uma doação do que parece ser um dos membros mais inescrupulosos da indústria farmacêutica”, afirmou J. P. Holyoak, presidente da Campanha para Regular a Maconha como o Álcool, em um comunicado. 

A Insys Therapeutics já foi processada pelo Estado de Illinois, que acusa o laboratório de comercializar o o analgésico para usos além dos indicados pelos órgãos reguladores. Os Estados da Califórnia, Massachusetts, Connecticut, Arizona e Oregon também abriram investigações sobre as táticas de vendas da empresa.



2 respostas para “Indústria farmacêutica financia campanhas contra a legalização da maconha”

  1. Lucas disse:

    O.o que ridiculo meu fentanil é uma forma de ópio mais poderosa que a heroína e os fdps investem numa campanha contra a legalização da maconha, que merda =/

  2. Josué S Mendes disse:

    Isso só vem reforçar que estamos no caminho certo , de lutar cada dia mais pela regulamentação da Maconha , a indústria farmacêutica está desesperada com a legalização acontecendo em vários países . Mas quando regulamentar o governo deve centralizar a Maconha no cultivo caseiro e nos clubes de Cannabis , do contrário a indústria vai subir os preços nas alturas criando o mesmo mercado criminoso que existe hoje !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina