Home Colunas Hemportagem Parlamento italiano começa a debater legalização da maconha

Parlamento italiano começa a debater legalização da maconha

A Itália é o próximo país que pode entrar no mapa verde da legalização. A discussão sobre o projeto de lei que legaliza a maconha no país vai entrar na pauta da Câmara dos Deputados até o final de julho. 

Após uma reunião com líderes de todos os partidos com representantes no parlamento, ficou acertado que o texto será debatido em plenário no dia 25 de julho e a votação está prevista para começar no dia seguinte. 

O projeto de lei que será votado pode legalizar o cultivo caseiro para consumo próprio, com o limite de cinco plantas por residência. A erva não poderá ser comercializada e o usuário deve registrar a plantação junto as autoridades locais. 

Por enquanto o cenário não é muito favorável à aprovação do projeto. Estima-se que apenas 220 deputados, de um total de 630, apoiem a iniciativa. O parlamento italiano ainda é dominado por um forte grupo conservador ligado a Igreja Católica.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos posts

Maconha sem Tabus: Vem aí 2º gibi do CannabiComix!

Ainda dá tempo de garantir sua cota no financiamento coletivo do lançamento do gibi "Maconha sem Tabus" Gibi é uma palavra que estreou no Brasil...

CDH deve decidir sobre maconha medicinal na próxima quinta

Com grande comparecimento de senadores, a expectativa era de análise do relatório sobre a sugestão, mas a elaboração de um novo relatório e um...

Alta Sacerdotisa: A arte de viajar entre Flores e Pedras

Cristais vem do coração da Terra, levam milhares de anos para se formar e, com isso, carregam mensagens e energias oriundas dos elementos naturais Esses...

Encontro com Fátima ganha elogios ao abordar maconha medicinal: “Chorando”

O Encontro com Fátima Bernardes abordou hoje, no começo do programa, o tema da maconha medicinal. A apresentadora trouxe para o palco o empresário...

Parlamento do Equador regula produção de maconha para uso medicinal

Por maioria de 83 parlamentares, de um total de 137, congresso equatoriano aprovou a produção, comercialização, distribuição, uso e consumo de cannabis para fins...