Home Colunas WeedNews Organização Mundial da Saúde reconhece erro na proibição da maconha

Organização Mundial da Saúde reconhece erro na proibição da maconha

A proibição das drogas, na forma como conhecemos hoje, foi consolidada em convenções da ONU realizada na década de 60 do século passado. Quase 80 anos depois, a Organização Mundial da Saúde (OMS), vinculada a ONU, finalmente dá os primeiros passos para reconhecer o erro que foi criminalizar a maconha ignorando os benefícios medicinais da planta.

Na semana passada um grupo de especialistas da OMS recomendou a retirada da maconha da Schedule IV, lista destinada a substâncias particularmente nocivas e com pouco uso medicinal. De acordo com a revista Forbes, o documento ainda não foi oficialmente formalizado, mas já está circulando entre os defensores da proposta.

Será recomendado que a maconha seus canabinoides sejam listados na Schedule I, onde se enquadram substâncias menos danosas e com propriedades curativas ou medicinais. No caso específico do canabidiol (CBD) que contiver menos de 0,2% de THC será recomendado que o mesmo fique fora das restrições do tratado internacional.

“O posicionamento da maconha no tratado de 1961, sem evidências científicas, foi uma terrível injustiça. Hoje, a OMS tem a oportunidade de corrigir um erro. Espero que a política não atrapalhe a ciência”, afirmou Michael Krawitz, veterano da Força Aérea dos Estados Unidos e defensor da legalização da maconha.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos posts

Ajude a bolar a nova identidade visual da ACUCA-SP!

ONG voltada a cultura canábica organiza concurso para nova identidade visual. Participe! Cultura Cannábica é um termo bastante amplo, que abrange todo conhecimento sobre os...

Anvisa adia decisão sobre maconha medicinal

Após dois pedidos de vista, regulamentação do uso do cannabis para tratamento médico provavelmente voltará a ser debatida em 15 dias BRASÍLIA — A decisão...

De saúde ao mundo dos negócios, a maconha é uma fábrica de notícias

Falamos da cannabis abordando diferentes aspectos: saúde, economia, segurança pública, cultura, história, esportes… por João Henriques / Ilustração: Felipe Navarro Antes de começar a leitura deste...

Nelson Motta revela que fuma maconha todos os dias há 55 anos

Jornalista, que está com 74 anos, falou com naturalidade sobre seu hábito diário de consumir cannabis e ainda atestou: "Tenho uma memória incrível" Sem tabus...

Governo age para brecar liberação da maconha medicinal

Projeto de Lei que regulamenta venda de remédios e uso está parado na Câmara, enquanto Anvisa adiou votação de regulamentação do plantio revista para esta...