Home Lugares EUA Maconheira: Rihanna se torna mulher mais rica do mundo da Música

Maconheira: Rihanna se torna mulher mais rica do mundo da Música

Rihanna apertando um fininho

Sem nunca negar que gosta de fumar maconha, Rihanna se torna a artista feminina mais rica da história da música

É normal a gente crescer ouvindo que “maconheiro” é vagabundo ou fracassado. Quebrar esse estigma não é fácil. Mas segundo levantamento da revista Forbes, uma maconheira assumida acabou de roubar o lugar de mulher mais rica do mundo da música. Não que riqueza necessariamente tenha a ver com sucesso. Mas no caso da Rihanna, bem… tem, né.

Isso porque ela levantou essa grana trabalhando duro em álbuns, singles e turnês. Segundo a revista, a fortuna é avaliada em torno de $600 milhões de dólares, um novo recorde, superando a Madonna ($570M).

Além da carreira artística, Rihanna, no auge de seus 31 anos, investiu também na criação da gigante marca de cosméticos Fenty Beauty, que faz parte da mega-empresa francesa LVMH (Moët Hennessy Louis Vuitton), voltada a diferentes tons de pele. E também a criação da Fenty, marca de joias, lingeries, roupas e acessórios, focada na diversidade de corpos e tamanhos.

Marca de Erva?

Em 2015 rolou um boato de que a cantora de Barbados estaria investindo no mercado da cannabis. O nome do empreendimento faria um trocadilho com a palavra marijuana em inglês e se chamaria MaRihanna. Apesar de ter ganhado visibilidade na mídia, a notícia é falsa. E ela mesma desmentiu, dizendo que “infelizmente, não era verdade”, em comentário no instagram.

Citando a Ganja

Mas se o lance do empreendimento não era real, dá pra perceber que o amor pela ganja é verdadeiro quando ela escolhe logo o dia 20/4, ou 4/20 nos EUA, para lançar seu som que fala sobre a ganja. Isso rolou em 2016, no lançamento da rapidinha James Joint, do álbum R8. Para quem não conhece, vale a pena dar o play. Achei uma versão legendada para todo mundo sacar a referência:

Querendo parar? Sei…

Há uns anos atrás o site de fofoca norte-americano Hollywood Life publicou uma fonte anônima, que se dizia próxima à cantora, jurando que Riri estaria afim de diminuir a fumaça. “Ela quer ter mais saúde e ser feliz. Rihanna adora fumar, mas disse que vai cortar drasticamente ou até mesmo parar com esse hábito. Ela sabe que a maconha não vai matá-la mas tudo que ela pretende é se sentir melhor. Ela sabe que não é uma coisa saudável”, avaliou na época. Mas será que é verdade?

Em viagem pela Europa, Rihanna não só passou pelos coffee shops de Amsterdam como levou sua prima, Noella Alstrom, a conhece-los pela primeira vez. Segundo reportagem da época, elas bateram perna por estabelecimentos clássicos como o Bulldog, o primeiro a vender maconha de forma legal, desde 1975 – muito antes da Riri nascer!

Em 2010 Rihanna e um ex-namorado teriam sido expulsos de um hotel por deixarem a suite irreconhecível. Além da ocasional bagunça, foi sentido também um forte cheiro de maconha. O casal foi proibido de frequentar o estabelecimento.

Novo Álbum

Quer saber, tudo bem não poder se hospedar em um hotel ou outro por causa da marola. Afinal de contas, a grana já não é mais problema para essa maconheira. Para gravar seu novo disco, a artista alugou uma ilha que custa aproximadamente 100 mil reais por dia.

O local é situado no Reino Unido, no estuário de Essex. A Osea Island tem um estúdio, cinema, piscina, praias e casas para todo a equipe, família e amigos se hospedarem.  “Rihanna convidou a família para passar tempo com ela enquanto trabalha. Ela teve alguns trabalhos no estúdio desde o seu último álbum, mas ela tem estado muito focada em suas linhas de maquiagem, roupas e lingerie. Desde que ela se mudou para Londres, ela quis ter por perto amigos e familiares para poder trabalhar em seu próprio ritmo, cercada pelas pessoas que ama”, disse outra fonte próxima.

Abaixo algumas fotos do local onde a Riri deve estar marolando firme, soltando sua criatividade:

Marola diante das Lentes

Quando a missão para fotografar Rihanna para a capa da revista Fader caiu nas mãos da fotógrafa Renata Raksha, ela não imagina que a cannabis roubaria a cena. Mas roubou. A sessão acabou sendo noticiada ao redor do mundo como um ato de “ousadia” da musa do pop.

O resultado foram clicks mais descontraídos do que sensuais. O que mostra que ela ficou a vontade na fumaça e não fazendo pose. Veja a seguir alguns dos cliques:

Bonus Track:

Se você nunca parou pra ouvir um som da Rihanna, assim como eu, não deve entender como a cantora conseguiu subir tanto nas paradas de sucesso. A mistura é de muito talento, empreendedorismo, com pitadas exageradas de sexualidade, polêmica e fumaça. E, com essa receita, dá pra prever o caldo explosivo que essa mulher está submetida.

O clipe de Bitch Better Have My Money é uma obra de cinema. E na versão explícita ultrapassou mais de 140 milhões de views no YouTube. Então, aumenta o som, expande a tela e sente a pressão:

Rihanna no Rio

Em 2014, numa rápida passada ao Brasil, Riri alugou uma casa na Barra da Tijuca para se hospedar. A produção da cantora conseguiu uma boa erva pra ela fumar. Só que na hora de escolher o local para dar um dois, deu ruim. Quer dizer, deu click. A mídia e seus paparazzis que não deixam nem a mulher fumar em paz. E ela, que não liga de ser flagrada com o tal “cigarrinho suspeito”, saiu baforando cheia de estilo, em uma das cachoeiras do Horto, na Zona Sul.

Flagrante ou explanação?

Ela já foi clicada tantas e tantas vezes que não vale mais a pena chamar de flagrante, não é? Sorte dela que o mundo da música permite o uso de maconha sem problemas. Sendo assim, ela pode aparecer com baseadão na boca, vestir blusa estampada de ganja para cantar sem seu show, se deixar fotografar queimando um a tarde e o que mais quiser… e quis. Veja a galeria de flagrantes, ou explanações da diva da fumaça:

Rihanna com dois baseadões de respeito

Em 2013, a cantora Rihanna ganhou um buquê de maconha de um admirador secreto no Dia dos Namorados.

Riri flagrada olhando apaixonadamente para seu baseado

Rihanna flagrada fumando maconha em sua cidade natal

Rihanna se apresenta em show com blusa estampada de cannabis

Fumar uma blunt assistindo ao show no festival Coachela, na carcunda do segurança… marola, não?

Cigarrinho de leve da Rihanna com Snoop Dogg and Warren G

E no Carnaval, Rihanna, dá pra ficar sem fumaça?

Essa dá Trabalho

Sim. A essa altura você já sabe que essa maconheira aí dá trabalho de verdade. Seja empregando gente na Fenty, ou rebolando por palcos e praias de todo planeta. Pra não deixar o caro leitor sair desse post sem submergir no potencial artístico enfumaçado da Riri, não tínhamos como deixar de indicar Work, trampo da moça junto ao Drake.

A música é hit absoluto. O clipe é quente e cheio de maconha. E, ainda assim, quase bugou o contador o YouTube, superando a marca de 1 bilhão de views. Que doideira…

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos Posts

Tendência, “cheiro de maconha” (quem diria) conquista marcas de perfume

O apelo dos perfumes cheirando a maconha pode estar em sua capacidade de trazer lembranças “Cheirar a maconha” já foi algo ruim, mas agora influenciadores...

O que é Haxixe? Origem, tipos e como fazer…

Todo bom maconheiro já ouviu falar ou teve a honra de degustar um bom hash. Mas como sempre tem alguém na dúvida... vale abordar...

Maconha vira matéria na Faculdade de Veterinária da UFSC

A Endocanabiologia (estudo das substâncias orgânicas e inorgânicas da Cannabis) já entrou para o currículo da Faculdade de Medicina Veterinária da UFSC (Universidade Federal...

Canabidiol até em bala de goma: o que a febre do produto nos EUA nos ensina

Três letrinhas vêm ganhando as prateleiras e os cardápios de diversos lugares cool dos Estados Unidos há mais ou menos um ano: CBD, de...

Plataforma amplia conhecimento sobre o uso medicinal da maconha

Batizada de CanTera, a ferramenta é voltada sobretudo para médicos. Entre 400 mil profissionais no Brasil, apenas mil receitam o produto discussão em torno da...