Home Ativismo Especial Marcha da Maconha de São Paulo 2019 - Cobertura Justificando

Especial Marcha da Maconha de São Paulo 2019 – Cobertura Justificando

A maior Marcha da Maconha do Brasil teve cobertura do portal Justificando através do programa Que Droga é Essa. Vale a pena conferir!

A galera que produz o quadro “Que Droga é Essa” fez uma cobertura sensacional da última Marcha da Maconha em São Paulo, que ocorreu nos primeiros dias deste mês de junho. A matéria conta com excelentes entrevistas, bom roteiro e lindas imagens.

O vídeo é quase um curta sobre o movimento que leva milhares de doidões e doidonas às ruas da maior capital do Brasil. São vinte minutos de uma verdadeira aula sobre o quanto nossa militância é importante. Por mais que tentem desmerecer nosso movimento, é muito claro perceber a latente necessidade de se debater o fim da guerra às drogas.

Parabéns a todos os envolvidos na captação, edição e produção do vídeo. Pedrada do canal Justificando. Assista agora:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos posts

Fabricação e venda de derivados da cannabis entram em vigor no país

Entra em vigor hoje a resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que regulamenta a fabricação, importação e comercialização de produtos derivados da...

“Maconha é coisa de velho”, diz Fernando Henrique Cardoso

No Brasil só não enxerga o que acontece quem não quer. A maconha ou as drogas mais pesadas não estão apenas na favela, mas...

Alerj aprova pesquisa e cultivo da maconha medicinal no Rio

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou a realização de pesquisa e cultivo científico da maconha por associações de pacientes. A votação,...

10 universidades pelo mundo que oferecem cursos focados em maconha

A maconha medicinal vem ganhando espaço em diversos lugares do mundo. De olho nisso, algumas universidades estão buscando capacitar seus estudantes para trabalhar no...

Se eu quiser fumar, eu fumo

Dizem por aí que coisa alguma acontece por acaso. Aliás, que o próprio acaso é algo irreal — mesmo que nós ainda não sejamos...