Home DownDois Cidade de Deus para DownDois!

Cidade de Deus para DownDois!

Tava prometido pra semana passado, mas rolou uma sequela e o post não entrou. Então o DownDois de hoje é mais uma vez especial do cinema nacional, um clássico que levou o Brasil a outro patamar de produções pras telonas. Talvez até hoje um dos melhores filmes já feitos em território tupiniquim. Cidade de Deus é marola. Cheio de emoção e fumaça do início ao fim. Vale muito a pena ver ou até mesmo rever. Saca só:

Sinopse: A história é dividida em três partes. A primeira, situada no fim dos anos 60, mostra os primeiros anos de existência desse conjunto habitacional, para onde se mudam duas crianças, Buscapé e Dadinho. Buscapé tem 11 anos e seu irmão, Marreco, forma com os amigos Cabeleira e Alicate um grupo de bandidos conhecido como o Trio Ternura, cuja especialidade é assaltar os caminhões de gás que fazem entrega no local. Dadinho acompanha esse grupo de marginais e sonha ser como eles. Buscapé, por sua vez, não gosta de ter irmão bandido: “É a maior furada, sempre acaba sobrando pra gente”, ele diz. Quer um futuro diferente para sua vida.

A segunda parte do filme se passa nos anos 70. Buscapé continua seus estudos e arruma um emprego num supermercado. Ainda assim, vive na tênue linha que divide a vida “de otário” da vida no crime. Enquanto isso, Dadinho torna-se um pequeno líder de gangue com grandes ambições. Quer se tornar traficante. Acredita que o “negócio de assalto tá por fora”, em um dia toma quase todas as bocas de fumo de Cidade de Deus e começa a vender cocaína.

Em pouco tempo, Dadinho torna-se o bandido mais perigoso e temido do local. Recebe um novo apelido, Zé Pequeno, e expande seu negócio. “Se o tráfico fosse legal, Zé Pequeno seria o homem do ano”, diz o personagem de Buscapé, que também narra o filme.

A terceira parte, situada no começo dos anos 80, mostra como Zé Pequeno se transforma em um dos traficantes mais poderosos do Rio de Janeiro, protegido por um exército armado de crianças e adolescentes entre 11 e 18 anos. Até que ele cruza o caminho de um trocador de ônibus conhecido como Mané Galinha. Depois de ver sua mulher ser estuprada, Mané Galinha decide se vingar de Zé Pequeno associando-se a outro traficante local, Sandro Cenoura. Estoura a guerra na Cidade de Deus. Nesse meio tempo, Buscapé, que sempre sonhou ser fotógrafo, consegue sua primeira máquina profissional. Registrar essa guerra será a grande chance de sua vida.

Ficha Técnica

Título Original: Cidade de Deus
Ano de Lançamento: 2002
Duração: 2 hora e 4 minutos
Diretor: Fernando Meirelles
Gênero: Ação / Drama
Formato: AVI
Qualidade: DVDRip
Tamanho: 710 MB

Downdois: AQUI

E dez anos depois, como tá a vida da galera que fez o filme? Veja:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Must Read

Maconha nos cachimbos de William Shakespeare?

Registros supõem que há resquícios de maconha nos cachimbos usados por William Shakespeare há cerca de 400 anos atrás A notícia não é exatamente nova,...

Minas Gerais entra na era da Cannabis medicinal

Regulamentação proposta pela Anvisa abre as portas do país e do estado para investimentos em pesquisa, educação e plantio da erva para produção de...

CBD deve chegar aos shoppings dos EUA até o fim do ano

Mega empresa canábica investe em varejo de derivados de maconha em shoppings dos EUA A gigantesca especializada em maconha Green Growth Brands, com sede em...

HQ entrelaça maconha e racismo ao longo da história dos EUA

‘Cannabis’, do quadrinista Box Brown, ganha edição em português O quadrinista americano Box Brown tinha 16 anos em 1996, quando foi preso por posse de...

Igreja britânica investe fundo de US$ 10 bi em maconha

Investimento pioneiro mistura religião e maconha na Inglaterra Quando Shavo Odadjian, baixista da banda System of a Down, me disse que estava lançando uma variedade...