Home Blog Adão e Erva Califórnia nas lentes do Hempa – Partiu!

Califórnia nas lentes do Hempa – Partiu!

Hoje é um dia especial na história do Hempadão. Em 2009 criei um blog sobre maconha sem a menor pretensão de escrever nele até hoje, diariamente. Essa trajetória, como uma semente regada com carinho, gerou frutos que eu nunca imaginaria. Atrás de fazer registro sobre a tal cultura da cannabis no Brasil, essa url hempadao.com nos levou a viagens de norte ao sul do país. Mais que isso, extrapolamos as fronteiras, tendo produzido cobertura em copas em Amsterdam, Argentina e Uruguai. Quem acompanha essa saga sabe do que to falando. Mas agora, nesse exato momento, se tudo der certo, o autor deste texto e deste humilde blog, está viajando para a Meca da Maconha na Terra!

Vamos pela primeira vez pisar nos EUA com intuito só de produzir conteúdo pro blog, pro canal e pra revista. O Hempadão está voando para a Califórnia e leva junto com ele uma multidão de expectadores que certamente não vão perder essa cobertura. Vamos desembarcar no Norte da Califórnia para cobrir a NorCal High Times Cannabis Cup, dois dias de evento que acontecerão no 2 e 3 de junho. Mas a trip será composta por oito dias em terras californianas, repletos de passeios especializados no mundo da maconha. Quem planejou tudo isso? Deus… não, quer dizer… talvez. Mas, deixa eu te explicar melhor.

A empresa Micasa420, sediada em SP mas com agentes por todo o mundo, oferece pacotes turísticos de excelência para quem quer curtir a viagem mais brisa da sua vida. Nesse pacote especial para a copa, o cronograma foi especialmente pensado para produzir uma experiência de imersão total na realidade canábica dos locões da Califa. Confira aqui o cronograma completo. Pois então, além de fazer esse trabalho lindo de hempreendedorismo, a Micasa420 entrou em contato com o Hempa em busca de parcerias. Aí, meus caros, foi assim que mesmo eu, sem um dólar no bolso, mas jogador experiente nesse ramo, ganhei uma convocação pra copa! Que já vai ser a oitava do currículo…

logo_micasa

Mas esse esporte amador que é a o jornalismo profissional sobre a erva não tem a CBF pra bancar a ida dos atletas. No máximo tem um CBD pra ajudar a relaxar e olhe lá… a parte terrestre da viagem estava garantida, isso inclui hospedagem, translados e passeios. Agora, como chegar lá… já é parte do jogo. Pra garantir a passagem buscamos algumas das mais responsas marcas do mercado nacional! E não é que fluiu? Então, com a passagem paga e o resto incluso, eu só não embarcaria se tivesse medo de voar. E tenho. Mas a gente vai mesmo assim. Afinal, o dever no chama.

Os anjos patrocinadores dessa viagem você obviamente vai ver que são durante a cobertura, afinal, vou embarcar com eles pra queimar tudo por lá. Sim… meu kit PuffLife vai recheado de Sediñas e as piteiras mais boladas da Yellow Finger! Fica aqui meu sincero e mais afetuoso agradecimento por serem essas as marcas que vão fazer o sonho ganhar asas e virar realidade. Obrigado Micasa420 pela oportunidade. Obrigado toda equipe PuffLife pela confiança. Obrigado Jorginho e Pablo, da Sediña, pela parceria de sempre. Obrigado Marcão, sr. do Dedo Amarelo, por acreditar em nosso trabalho. E ainda, obrigado você que acompanham Hempa, pois é jogando junto com Sedina-Roling-Papervocês que a gente consegue balançar as redes da proibição pra um dia, quem sabe, vencermos de goleada.

Eu não sei como serão os próximos dias além do que está planejado. Mas espero que façamos, juntos, uma viagem incrível reportando como é a vida do maconheiro da Califa, com a maconha recreativa legalizada. Nossa missão é, ainda, cobrir mais uma copa canábica e produzir, pra Hempada, uma edição especial da trip – eles merecem – assim como rolou com Montevideo.

Acompanhem o Hempa pelo instagram. Não curto muito postar excessivamente em redes sociais, mas me comprometo a fazê-lo, na medida do possível. Ao invés de concentrar em stories, que se apagem em 24h, nossa pira é maior de fazer história. Então uso um bloco de anotações e uma câmera velha pra eternizar momentos em reportagens. Que vício. Que ofício. Nada fácil, mas ainda assim fascinante.

Como um jogador antes da copa, não há como prever que jogadas serão feitas, como será a marcação adversária, qual será o caminho para o possível sucesso e mão na taça. Não há como garantir nada, se não a fome e vontade de jogar, então torce por mim. Fome nunca faltou, pois as laricas informativas do Hempa seguem vivas, fortes e prestes a chegar ao paraíso da cannabis e da contracultura mundial – to chegando, Califa!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimos posts

Realidade Canábica

Na verdade, são algumas realidades. E, conforme o tempo passa, o uso da popular maconha vem sendo desmistificado, mesmo que lentamente. Mas ainda assim,...

Doença ligada a cigarros eletrônicos já matou seis pessoas nos EUA

O primeiro relato da doença misteriosa surgiu em abril, no Estado de Illinois; logo, médicos de todo o país começaram a descrever pacientes com...

I Seminário de Fortaleza sobre uso terapêutico da cannabis ocorre na próxima terça-feira, 17

Desde 2015 o número de pacientes cadastrados para a importação do canabidiol triplicou no Brasil. O I Seminário de Fortaleza sobre uso terapêutico e legislação...

Ministro da Saúde não se opõe à liberação do canabidiol no Brasil

Mandetta afirma que não se opõe a projeto que esvazia funções da Anvisa na liberação de medicamentos O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, nesta...

Eduardo Bolsonaro começa a apoiar projeto que “libera” canabidiol

Além do "filho 03", outros aliados do governo já defenderam o uso do óleo; proposta contraria a posição do governo em relação à maconha...