Vereador de Curitiba contra Legalização despreza números da Marcha da Maconha!

Contra Maconha

hempadao 5 junho, 2013

3Toda quarta pela manhã a gente pegou o hábito de debater com quem pensa diferente, e olha que não falta gente que luta Contra Maconha! Hoje vamos ver o que tem a dizer o vereador de Curitiba que criou uma audiência pública contra a legalização da maconha no país e lá ele depreciou o número de pessoas na Marcha da sua cidade, veja só na matéria do jornal local: “Ele ressaltou que 400 pessoas, conforme registro da Polícia Militar, é um número reduzido e demonstra claramente que o curitibano é contrário à legalização do consumo e comercialização de drogas. Barrada por três vezes pela justiça, a manifestação aconteceu no último domingo, 26. “75% da população brasileira é contra a legalização da maconha. Trata-se de uma questão de segurança pública, pois a droga é um trampolim para outras substâncias ilícitas, e hoje, como o crack, requer ações emergenciais pois já caracteriza uma epidemia”, alertou o vereador após declaração pública na Casa de Leis.

 

Parece que o caro vereador Valdemir Soares (PRB) esqueceu que a democracia serve para garantir o direito também das minorias. Que a maioria da população não apoia é verdade, mas isso está mudando ano a ano com disseminação de informação sobre drogas e seus reais efeitos. E de fato se trata de uma questão de segurança pública – dinheiro mal gasto que poderia ser investido em educação. Se o povo for bem educado, jamais autorizará políticas de totalitarismo e abuso dos direitos humanos básicos, como são as políticas de proibição. Vereador, debater com maconheiros pode ser mais complicado do que o senhor pensa. A favor de nós são milênios de uso e a favor do senhor são apenas décadas de preconceito e sensacionalismo midiático. “Nossa vitória não será por acidente”, lembre-se.

Vale lembrar que a audiência pública contou com cerca de 600 participantes, pelo menos é o que noticia o site da campanha “Maconha Não”, mas… parece que tem isso tudo de gente no animado auditório?

4

 

Vocês lembram da Marisa Lobo, ela esteve no Contra Maconha da semana passada, veja. Desta vez ela compareceu e vestiu a camisa com a logo do movimento “Maconha Não”.  Curioso que a logo lembra com a da Copa del Plata, que diz logo abaixo do sinal de proibido: “A folha não se fuma”, olha só:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina