Uruguai terá Maconha para Estrangeiros!

WeedNews

hempadao 3 fevereiro, 2014

No cuidadoso processo de regulamentação da produção e venda de maconha, o governo uruguaio decidiu abrir uma brecha para que estrangeiros possam comprar a erva na legalidade. Mas não adianta reforçar o estoque de seda que está longe ser a abertura de um turismo canábico.

O acesso aos 40g mensais de maconha só será possível para turistas que comprovem que estejam a mais de 90 dias em residência legal no país. O governo considera esta data um "tempo razoável" para que os estrangeiros vivendo no país possam consumir a erva com fins recreativos.

O governo uruguaio também apresentou outros detalhes sobre o cultivo da maconha que será oferecida nos pontos de venda legal e explicou como o cultivo nas fazendas para atender um mercado estimado de 120 mil maconheiros em um país de 3,5 milhões de habitantes.

"Estamos pensando em criar cinco variedades da maconha com o selo do IRCCA (órgão regulador do mercado de maconha). Para isso, vamos definir 10 hectares, e inicialmente podem ser menos. Nós vamos orientar as empresas onde plantar. E não estamos pensando em lugares perto da fronteira", disse o secretario da Junta Nacional de Drogas do Uruguai, Julio Calzada Calzada.

O Estado acredita que com 10 hectares pode produzir as 20 toneladas necessárias para abastecer o mercado nacional. Ainda se discute se a produção será contínua ou por estações e quais serão os sistemas de segurança para evitar o contrabando.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina