Uruguai pode ter venda de maconha fora das farmácias

WeedNews

hempadao 3 julho, 2016

Na reta final para iniciar a venda legalized de maconha, o governo uruguaio estuda a possibilidade de não limitar a venda de cannabis às farmácias. Isso ocorre pelo fato de apenas 50, das cercas de mil que existem no país, terem se cadastrado para realizar o comércio legal, que vai ter a venda limitada em 40g por mês para cada cidadão.

“Para nós, embora a manifestação de vontades tenha sido um pouco lenta, é um número suficientemente interessante para fazer um plano piloto”, declarou o secretário-geral da Junta Nacional de Drogas (JND) do Uruguai, Milton Romani, em declarações ao jornal local El País. 

Na mesma entrevista o secretário declarou que a primeira safra de maconha já está na fase de colheita, e que será disponibilizada em breve. Milton Romani também provocou os céticos que duvidam da aplicação da lei que acabou com a ilegalidade da cannabis no país. 

“Os que especulavam que este governo não aplicaria a lei devem tirar isso da cabeça porque vamos vender nas farmácias ou onde quer que seja. Se as farmácias forem uma dor de cabeça, venderemos por outros canais”, disse Romani.



3 respostas para “Uruguai pode ter venda de maconha fora das farmácias”

  1. Tyr disse:

    Que vontade de me mudar pra lá………..

  2. Almeida disse:

    O Uruguai tá fazendo coisas que ainda não passam de sonhos aqui no Brasil, ações que mostram que nós só temos tamanho mesmo… Mas, quem sabe um dia a gente chega lá…

  3. Gabriel disse:

    Uruguai sempre me surpreendendo, um dia vou viajar pra lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina