Uma História de Cura com Maconha!

WeedNews

hempadao 19 agosto, 2013

A história deste Weednews bombou nas redes sociais e certamente foi o assunto canábico da semana que passou. Estamos falando do caso da pequena inglesa Charlotte, de 6 anos, que sofria dezenas de convulsões todos os dias e tinha pouco tempo de vida de acordo com os médicos. Tudo mudou quando ela iniciou um tratamento com maconha medicinal.

Charlotte era vítima das convulsões desde os três meses por conta de uma forma rara de epilepsia (Síndrome de Dravet), mas mudou radicalmente quando passou a receber as doses de óleo de maconha.

"Charlotte está comendo e bebendo sozinha pela primeira vez em anos. Ela está dormindo bem toda a noite. O seu comportamento de automutilação, choro, movimentos repetitivos, violência, fuga do contato olho no olho, insônia, falta de contato social é coisa do passado. Ela tem a mente tranquila, está focada, não tem mais déficit de atenção. Charlotte monta em cavalos, patina, pinta, dança, faz caminhadas. Pela primeira vez ela fez amigos. Seu cérebro está sendo curado. Ela está saudável. Ela está feliz", contou Paige Figi, a mãe da menina.

Em entrevista a mãe informou que após oito meses de tratamento com maconha os desmaios semanais de Charlotte foram reduzidos de 300 para três. "Tentamos todo o possível, e os doutores continuavam nos dizendo que ela iria morrer. Quando Matt me falou sobre o tratamento, fiquei horrorizada, mas estávamos tão desesperados que decidimos tentar", disse Paige.

Diante de um testemunho tão profundo como este da mãe de Charlotte é impossível não ficar com uma angústia explodindo no peito por saber que este tipo de tratamento, relativamente simples e barato, é proibido em quase todo planeta. Com tamanha burrice proibicionista é melhor nem pensar nas vidas que poderíamos salvar com a querida planta.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina