UFC: Dois Pesos, Duas Medidas? Maconha x Cocaína

DeCara

hempadao 7 janeiro, 2015

B6s-PhPIcAAVx6pÉ ou não para ficar de cara com uma notícia dessas? Famoso por ser dono da maior marca de MMA do planeta, Dana White tem sido alvo de sérias críticas após deixar passar em branco o fato do campeão Jon Jones ter sido pego no antidopping com a branquinha. Jones é campeão oito vezes e detém o cinturão mesmo após a casa ter caído. A dúvida que fica é: porque não aconteceu o mesmo quando a droga era maconha?

Teoricamente se colocamos dois lutadores para se enfrentarem obviamente quem usou um estimulantes terá maior vantagem diante de quem consumiu um relaxante. Não?

Talvez esse pensamento sequer venha ao caso, já que o exame indicou que Jon Jones teria usado a substância um mês antes da luta, mas de qualquer forma, a indagação continua: porque Dana White anulou resultados cujo atletas foram pegos com maconha no sangue e não seguiu o mesmo para o caso recente?

O americano Matt Riddle foi demitido do UFC após dois antidoppings com THC. Será que a reincidência explica a demissão? Mas ele não foi o único, vários outros já foram pegos com maconha no sangue e o resultado foi o mesmo. No caso de Matt, mesmo com quatro vitórias no curriculo, foi demitido. Ele tem usado o twitter para reclamar do ex-patrão e chegou a dizer que o “UFC é um lixo”.

O que dá pra ver nitidamente é que os chefões do UFC realmente não curtem o verde, enquanto o branco… bem, tá até no sobrenome do dono da competição. Parece que o conflito é de cores, bandeiras, ideologias. Maconha não. Coca… ahh… se for com o maior campeão de todos os tempos… fazer o que?!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina