Sobre cultivar… em verso! [PotPoets #124]

PotPoets

hempadao 12 abril, 2013

separa um espaço, mas um só não basta

são dois espaços da casa! esqueceu do vega

onde vão ficar as mães?

não é tão fácil cultivar suas filhas

 

por isso uns optam por guerrilha

outros preferem a segurança do lar

um lugar que os vizinhos mal possam olhar

e que os guardas mal possam sonhar

 

perfeito! escolhido o lugar

haja investimento –

substrato, vaso, instrumento

muito mais do que você poderia imaginar

 

valerá a pena também – muito mais do que você imaginou

mas antes é preciso suar, trabalhar solo, gastar dinheiro

ir buscar todas as peças, instalar tudo e fazer funcionar

transformador, reator, lâmapada, cooltube

 

fertilizantes…

uma estrofe só para eles…

vão te doer o bolso, mas só eles…

vão nurtir sua cria!

 

então ser um bom pai de família

vai te fazer enteder mais de eletricidade

pois ainda falta instalar extração de ar

além de ventiladores

 

e não esqueça o termo-higrômetro

além, é claro, de um medidor de ec e de ph

na conta do lápis isso não vale um camarão, será?

aí você para e pensa: beck é de ponta de prensado é que não dá

 

preciso cultivar!

E nessa a dúvida que se não morre, só cresce:

melhor led ou hps?!

no começo é sempre estresse

 

mas depois… pegou a mão já era!

não importa se é verão, inverno

outono ou primavera,

o seu tá garantido, pelo esforço concedido

 

somente aos que tem coragem

e mais do isso, força de vontade

além do dom pra ouvir a planta

e sanar sua necessidade.

 

bom cultivo a todos e todas,

boas colheitas e podas

silêncio, segredo!

Vê se não roda!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina