Sistema bancário contra a legalização da Maconha!

Hemportagem

hempadao 9 agosto, 2017

O capital financeiro decidiu fazer jogo duro contra a legalização da maconha no Uruguai. Produtores, clubes de maconha e farmácias que vendem erva estão tendo as contas bancárias encerradas por bancos estrangeiros no Uruguai. A situação já aconteceu com clientes dos bancos Santander (de matriz espanhola) e o Itaú (de matriz brasileira) analisa fazer o mesmo em breve.

Os bancos alegam que respondem a normais internacionais, e por isso estão impedidas de trabalhar com clientes que realizam comércio de drogas, mesmo quando as operações são realizadas em acordo com a legislação local.

Segundo o jornal “El Observador”, uma das 16 farmácias credenciadas para a venda de maconha no país decidiu suspender a comercialização depois que as contas bancárias começaram a ser encerradas.

A restrição não afeta clientes do Banco República, estatal uruguaio. Este banco administra, por exemplo, a conta do Instituto de Regulación y Control del Cannabis (IRCCA), que regulamenta a produção e comércio da maconha no país.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina