Reconhecendo o Fracasso da Guerra às Drogas

Chapa2

hempadao 20 agosto, 2013

É verdade que estamos longe de convencer a maioria da população que a legalização é o melhor caminho para a política de drogas. Mas também é verdade que tem muita gente percebendo que a guerra às drogas é incapaz de alcançar seu objetivo de construir o utópico projeto de "um mundo livre das drogas".

Prova disso é uma pesquisa feita pelo Centro de Estudos de Segurança e Cidadania, da Universidade Cândido Mendes, que ouviu a população carioca sobre a questão das drogas. De acordo com o estudo que ainda vai ser divulgado apenas 30% da população do Rio defende a pena de prisão para usuários e traficantes como forma de conter o consumo.

De acordo com a socióloga Julita Lemgruber, que coordenou a pesquisa, a maioria dos cariocas apoia o uso de campanhas informativas e tratamento para usuários problemáticos.

Outro dado interessante desta pesquisa serve para destruir o mito da explosão do consumo com uma eventual legalização. É que 97% dos não usuários afirmaram que não vão usar drogas se elas forem legalizadas.

Além da luta política, a conquista da legalização precisa de uma militância pedagógica nas ruas. Sem arrogância e sabendo ouvir as críticas, precisamos convencer quem está na nossa rede de relacionamentos (principalmente os caretas) que a legalização é uma estratégia de saúde, respeito as liberdades e paz.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina