Preparando a floração para o Cultivo Exterior!

Cultivo Vital

hempadao 15 fevereiro, 2015

por Sergio Vidal

Antes de começar o texto dessa semana gostaria de pedir a todos que assinem a petição no site do Senado Federal.

Quando alcançarmos 10.000 assinaturas conseguiremos levar a discussão sobre o cultivo caseiro para ser debatida na Comissão de Direitos Humanos, faltam menos de 1000, vamos lá, ajudem!

Hoje recebi uma mensagem de um leitor bastante aplicado nos estudos, que descreveu em detalhes o que está fazendo em seu cultivo e enviou também umas fotos bem bacanas, mostrando como sua planta está bastante saudável e prontinha, esperando a mudança do fotoperíodo. Com certeza não apenas ele está se preparando para colocar sua plantinha em floração, pensando já no início do outono dia 20 de março, mas todos os cultivadores e cultivadoras do país, especialmente os que moram nas latitude a partir da região sudeste, conforme a tabela abaixo:

Variação do fotoperíodo em função da latitude e época do ano no Brasil:

Fonte: Sílvia e Vizzotto (1990).

Para os que não fizeram o dever de casa e não estão entendendo o porquê desse papo sobre fotoperíodo, leiam os links indicados abaixo, para entender, entre outras coisas, que a floração em exterior só ocorre com a chegada do outono e do inverno, que trazem consigo dias mais curtos e noites mais longas.

Cultivo Exterior, o poder do rei sol .:. Quais cuidados devo ter durante a floração? .:. É possível ajudar a planta a iniciar a floração? .:. Como faço para atrasar a floração? .:. Qual a hora certa para colher? .:. Como faço para ocultar o aroma da cannabis durante a floração? .:. Durante a floração posso arrancar folhas que fazem sombra nos galhos inferiores? .:. Preparando o jardim para a floração .:. Segredos para obter o melhor das suas flores .:. A importância do período escuro durante a floração .:. Jamais devemos colher qualquer coisa antes do tempo .:. Perpetuando a colheita perfeita

Agora, vamos à mensagem e dúvidas do leitor:

Olá bom dia, eu sou leitor do Blog Hempadão e sempre estou lendo as perguntas, as respostas e as colunas que são colocadas lá !
Felizmente obtive várias respostas para certas duvidas que tive em relação ao cultivo e tudo mais. Pois bem agora estou com as minhas primeiras plantas de maconha em casa, essa é minha primeira vez que faço meu próprio cultivo e venho lendo bastante sobre o assunto…

Essa planta maior tem cerca de 5/6 meses de vida está ainda na fase vegetativa e com 1,18 cm em (outdoor), nessa etapa eu dei a ela esterco de cavalo diluído na água de rega e resto de frutas, casca de ovo e cinzas de papel direto na terra.
ela está muito saudável cuido bem delas para que não tenha fungos e insetos jogando pesticida caseiro com cigarro diluído na agua e borrifando nas folhas a cada 15 dias e sempre a noite.
1 – Nessa etapa que a planta se encontra os tipos de nutrientes que estou dando a ela está correto?
2 – agora na entrada do outono ela entrará na floração, nisso quais tipos de nutrientes eu devo cortar e quais devo por na dieta dela ?? nessa fase eu posso continuar deixando ela em modo (outdoor) ??

3 – tem essa muda que tem apenas 3 semanas, está bastante saudável e no momento só venho dando a ela agua, sol e raramente rego ela com agua de esterco, a partir de que idade devo troca-la para um vaso maior e que tipo de terra devo colocar no vaso maior na hora do transplante ?

4 – agora com a chegada do outono eu acredito que ela deva querer entrar numa floração precoce, para isso nao ocorrer eu devo complementar as horas de luz com lâmpadas dentro de casa ou devo mantê-la direto em indoor ou continuo em modo outdoor ?

Considerações:

1 – Sim, os nutrientes estão corretos, aparentemente. Durante o vegetativo a planta come Nitrogênio mais do que qualquer outro macro nutriente, mas também se alimenta de Potássio, Fósforo, Cálcio e Magnésio, além dos micronutrientes, é claro. O Magnésio é que parece estar faltando na dieta, pois as folhas talvez pudessem estar num verde um pouco mais escuro. Aconselho que compre em qualquer farmácia o chamado Sultafo de Magnésio, conhecido popularmente como Sal Amargo. Que é um composto que contém enxofre e magnésio e pode ser usado tanto no vegetativo quanto na floração, semanal ou quinzenalmente, diluído na água da rega. Durante a floração esse mineral é essência para a formação dos brotos e desenvolvimento das flores, então providencie logo!

2 – Nas primeiras semanas de floração a planta se alimenta quase que da mesma maneira que no vegetativo, mas, ao longo de cada uma das semanas você deve ir mudando aos poucos o que fornece a ela, diminuindo o nitrogênio, aumentando Potássio, Fósforo, enxofre, magnésio e garantindo um bom acesso a outros micronutrientes. No seu caso, a planta está num vaso muito pequeno para seu tamanho e é importante trocá-la com urgência. Você deve aproveitar isso e preparar um solo que contenha algo em torno de 60 a 70% de matéria como pó de coco, perlita ou turfa, para deixar que as raízes se desenvolvam bastante, leia os artigos indicados mais acima pois muitos deles falam de preparo de solos para floração e nutrição adequada para este período. Quanto maior seu vaso melhor, se puder usar o chão do quintal, melhor ainda. Para isso, faça a maior cova possível e substitua o solo original por algo preparado por você, como se fosse um grande vaso, se quiser pode forrar a cova com uma lona, para diminuir a perda de nutrientes para o solo, mas lembre-se de fazer furos na lona para manter a aeração. Quando mais sol a planta puder receber nessa fase maior a quantidade de flores e resina ela produzirá, sem dúvida o melhor é mantê-la sob o Rei Sol.

3 e 4 – Não existe uma fase ideal para mudar as plantas de vaso. Existe um sinal de que o vaso já está inadequado para aquela planta que é quando as raízes começam a sair pelos furos de drenagem no fundo do vaso. No entanto, e isso vale para desde o início do seu desenvolvimento, quanto maior o espaço para as raízes, mais rápido elas se desenvolverão e as plantas irão crescer de forma mais acelerada as partes exteriores ao solo também, como galhos e folhas. No seu caso, aconselho mudá-la para um vaso bem grande e, caso não queira florir ela agora, procure todas as noites mantê-la perto de alguma lâmpada fluorescente, por mais fraca que seja para que ela continue vegetando e você a deixe florir no momento que achar mais adequado.

Qualquer dúvida consultem o banco de dados do Cultivo Vital.

Ou enviem sua mensagem para hempadao@gmail.com

Abraço e até semana que vem.



Uma resposta para “Preparando a floração para o Cultivo Exterior!”

  1. musaranho disse:

    ow eu tenho uma estirpe que fez dois meses e ja esta no alge da sua floracao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina