“Porque a legalização da Maconha beneficiaria o tráfico”, Alvaro Mendes

HempTube

hempadao 8 setembro, 2016

Ah, mano… não é possível. Em pleno século XXI, ano de 2016, a gente ainda precisa ouvir argumentos que visam aumentar a guerra às drogas? Como alguém acredita que a legalização iria beneficiar o tráfico?! Se você, como eu, não entende como isso pode acontecer, então dê play e conceda ao Alvaro Mendes a chance de explicar seu pensamento:

Ele dá as referências bibliográficas dos estudos citados, mas trata o “tráfico” como sendo algo natural, que acontece e acontecerá desde sempre. A prática delituosa pressupõe, no entanto, não naturalidade, mas uma causalidade que precisa ser debatida. Precisamos pensar porque pessoas se expõe à vida do tráfico, porque aceitam se arriscar como mulas, porque a guerra é só contra setores específicos da população e, é claro, será que a guerra adianta alguma coisa? A resposta mais nova da ONU é… não.

O vídeo pode ser visto como um discurso de defesa não só da maconha, mas de todas as drogas, definitivamente, já que o lucro está nessas outras atividades. O fim do tráfico começa pela legalização e continua por um caminho difícil de ser vislumbrar por aqui, que é o avanço das políticas públicas de qualidade de vida. A proibição da droga é parecida em todos os lugares do mundo, mas não é em todos os lugares do mundo que o tráfico se torna o problema que é no Brasil, ou no México, por exemplo. Porque será?

O que realmente ajuda a vida dos grandes traficantes todo mundo está cansado de saber que é a proibição. Quando o traficante intermediário perde uma carga para a polícia, naturalmente outras serão pedidas, pois o mercado não para, ou, pelo menos que saibamos, nunca parou, em décadas de proibição. O tráfico tem o monopólio do preço da droga. Talvez o público dele não sabia, mas os maconheiros sabem bem: se fosse legalizado o próprio usuário poderia produzir sua maconha.

Por fim, pode ser que eu esteja errado, mas me parece que esse discurso todo é uma forma de querer criminalizar a qualquer custo uma prática que o mundo inteiro está em vias de descriminalizar. Se antes era crime e agora não é mais, acabou o tráfico. “Quem já trabalha com isso vai se favorecer”, sim, e qual o problema disso?

Por mais que o tráfico continue, ele pode se tornar algo diferente do que é hoje. Será que armamento ostensivo será necessário se a guerra chegar ao fim? O crime deve ser combatido, sempre. Mas para que o “traficante” vai se envolver em criminalidade se ele tiver seu direito de empreender no negócio das drogas? Claro que não serão todos, mas uma boa parte pode também optar por se desvincular do caminho do crime e violência.

O viés da proibição além de não oferecer perspectivas de melhoria de vida para a população mais pobre, chega com aparato de repressão estatal com o pé na porta de moradores. A legalização faria a polícia trabalhar contra crimes mais graves do que o porte, o uso, o tráfico de drogas, um crime sem vítima, criminalizado por motivos morais e não práticos.

Vale a pena ouvir quem pensa diferente, sempre. E vale a pena iluminar o debate com reflexões menos apocalípticas também. Deixa sua opinião aí nos comentários…



16 respostas para ““Porque a legalização da Maconha beneficiaria o tráfico”, Alvaro Mendes”

  1. Renan Garcia disse:

    Não gostei da indicação desse vídeo. Me faz lembrar da merda que infelizmente é o Brasil por conta ignorância de alguns “filhos do governo”
    E o melhor é que a legalização vai ser benéfica até pra esses desgraçados ignorantes e bastardos!
    Depois vcs AGRADECEM!

  2. Maurício Gimenes disse:

    Na realidade, a legalização não se trata apenas de combater o trafico de drogas, isso é apenas um argumento. Acima de tudo, está a conquista da liberdade democrática em usar uma substancia psicoativa sem cometer crime. Além do mais, é muito fácil plantar maconha em casa, sem custo nenhum. Comprar maconha, é algo que existe apenas no nosso atual e desastroso modelo proibicionista.

    • Coxa_Creme_Vomitei_V_4 disse:

      Belas palavras, isso cabe muito bem numa discussão racional do tema. Como eu bem gosto de apontar, o cigarro é o item mais contrabandeado do Brasil, a despeito de ser legal.

      Quem garante que, com a maconha legalizada, o prensado paraguaio não teria mercado, tal como os “mata ratos” que vemos por aí?

      Não tem esse papo, quem quer a maconha legalizada a todo custo é a Babilônia, é playboy de Ipanema que quer montar Coffee Shop para vender White Widow falsificada.

      Agora, há os que queiram apenas ter as suas opções INDIVIDUAIS respeitadas, e isso não necessariamente leva ao comércio de maconha.

  3. nando disse:

    caretinha besta

  4. Lucas Nascimento disse:

    Ele não disse nenhuma mentira. Todos os dados apontados são reais, mas estão extremamente mal colocados e trabalhados.
    As causas desses números são o maior, senão o principal objeto de discussão da legalização da maconha, entretanto o sujeito só apontou consequências, dados soltos, meramente burocráticos. Nem ao menos o modelo de legalização ele fez o debate. Só apontou o modelo Californiano e os dados estadunidenses para apontar que no Brasil seria o mesmo. Já que este sujeitinho gosta tanto de dados, tratar de alguns dados como: desigualdade social brasileira; renda média das famílias dos traficantes; os modelo de mercado e economia nos eua vs Brasil. Os dados de fato necessários pra esse debate não foram colocados.

    Os motivos que causam estes dados apresentados são os principais objetos de estudo, pois abordam as realidades socio-economicas, culturais e políticas do debate. Neste âmbito entram vários pontos e aspectos; várias situações e ocasiões que devem ser minuciosamente pensadas, pois abrangem aspectos culturais, políticos, sanitários, econômicos, sociais, geográficos, educacional – principalmente o educacional – e uma série de outros fatores.

  5. Alison Felipe disse:

    No que diz respeito a legalização favorecer o tráfico, porr*, isso é algo sem sentido para se dizer, afinal já temos diversos exemplos de países que legalizaram a maconha ou descriminalizaram as drogas e estão super bem, progrediram em muitos pontos, inclusive o financeiro, como é o exemplo de Portugal que não regrediu em nenhum aspecto, pelo contrário, retirar a criminalidade da erva diminuiu o número usuários e reduziu tráfico, isso é certo, basta pesquisar).
    No caso de favorecimento financeiro, bom, temos mais alguns bons exemplos, há lojas que comercializam exclusivamente a Cannabis, como os barsinhos de Amsterdam. Sinceramente não acredito que seja algo ruim para o governo daquela cidade, afinal eles arrecadam com impostos, e o produtor/comercializante tbm recebe sua parcela de lucro, o que seria mais justo?.
    Por fim, por favor, dizer que “seria ruim legalizar pq os traficantes quem iriam dominar o plantio e cultivo para se favorecerem, pq eles tem o domínio e blá blá blá”, put* merd#* é outra baita duma besteira, todo bom maconheiro tem o desejo de ter sua própria planta, cuidar dela, ter um bom fumo, um fumo de qualidade, sabendo como ela foi realmente cultivada, se teve os cuidados certos e não ficar dependente daquele fumo seco, prensado que o traficante comercializa. O que nós maconheiros queremos é ter nossa planta, nossa própria erva, NÃO DEPENDER DE TRAFICANTES, será que é tão difícil de alguns entenderem isso, aceitarem o usuário de Cannabis? Vamos nos respeitar assim como queremos ser respeitados, para isso precisamos aceitar as diferenças uns dos outros, o ser humano age instintivamente, ver alguém fumando um cigarro de tabaco ou embreagado é completamente normal, já se for o caso de um cigarro de maconha, (a não isso é uma vagabundagem, e mais blá blá blá) PQ? Somos seres pensantes, críticos do sistema, fumamos nosso back e oque acontece? Enlouquecemos??? Lógico que NÃO, ao contrário, ficamos mais lúcidos que nunca, mais atentos as coisas boas da vida, os motivos para se fumar maconha são diversos, pois muitos sabem os benefícios da ganja, por ex: aos que sofrem de insonia, fume um baseado; Não tem fome? fume um baseado, vc vai ficar com fome; Ta stressado, poooo, fuma um baseado, vai relaxar; Ta com dor?? fuma um baseado que passa a dor, sem essa de se entupir com esses remédio viciantes que não podem ser ingeridos em grande quantidade e horas erradas, pq? pq podemos morrer tomando tal atitude, mais e a maconha, será que se fumarmos o dia inteiro vai acontecer alguma coisa? NÃOOOOO, pq nem se quer existem casos de morte por maconha, a cannabis trás benefícios, não é como cigarro, remédios manipulados ou o álcool que tanto é comentado.
    Para encerrar, vamos agilizar a legalização do cultivo e uso da cannabis para diminuir o tráfico e menos pessoas serem expostas as drogas pesadas, precisamos de maturidade por parte de nossos políticos nesse assunto.

  6. Tyr disse:

    Porra, na moral,não dá pra assistir uma merda dessas ……………

  7. rudney disse:

    Fala pra ele antes dele falar sobre a maconha manda ele parar de usar seus “remédios” para dormir ou sei lá qualquer outro tipo de droga lícita q ele usa olha a cara de dele cara de drogado cara de quem usa mt “remédio”

  8. Axel Hasselmann disse:

    Pq será que TODOS os traficanres são contra a legalização?
    Paraíso dos traficantestes, sei…

  9. Axel Hasselmann disse:

    Ele se esquece o o tráfico sumiu no Uruguai e no estado do Colorado nos EUA.

  10. Kain disse:

    Bom, eu achei engraçado pois da forma como ele fala da legalização, é como se não existisse países e estados modelos como Uruguai, Amsterdã, EUA, Portugal e como tem uma grande logística, organização que funcionam na pratica e os impostos que são direcionados para a melhoria da sociedade, e ainda por cima fala que é igual a ideia do socialismo: – ” Na teoria é lindo, mas na pratica…”. Pra mim, ele não estudou o assunto afundo, só vê o lado dele e “os bons costumes da família brasileira” . E a liberdade individual de cada um? E as vitimas da guerra as drogas?

  11. vinicius disse:

    Até que tem uma logica interessante se a legalização fluir o trafico não vai acabar ou os traficante vao acompanhar o mercado e vender camarão ou eles vai tirar o prejuizo deles vendendo crack cocaína lolo so droga pesada na mão dessa geração burra

  12. igor disse:

    o cara tá viajando nos dados, 3% maconheiro? ta de brincadeira né….

  13. Alvaro disse:

    Legalize já ! Com ctz a vida da sociedade vai melhorar principalmente dos menos favorecidos.

  14. Diogo disse:

    Álvaro Mendes vc é um burro …teoria isiguinificante….

  15. Diogo disse:

    Só de falar q à legalização beneficiaria o tráfico ….nem vou nem assistir ….já q seria o inverso…cada uma…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina