O Cultivador dos 450 pés? Herói ou Criminoso?

Chapa2

hempadao 27 agosto, 2013

Você deve ter acompanhado o caso do cultivador de maconha de Campinas (SP), preso por ser o dono de uma bela plantação de 450 pés de maconha, além de uma boa quantidade de camarões de alto nível. Se não viu, saiba mais sobre o caso no vídeo abaixo.

Do ponto de vista tático podemos dizer que ele errou ao investir em uma plantação tão grande, sabendo que seria difícil a polícia tratar o caso como cultivo para uso pessoal. O que é inaceitável entre nós, defensores da legalização, é a crítica moral ao amigo cultivador e dizer que ele merecia a prisão porque plantou demais.

Por que ele merecia a prisão? Por vender algo para alguém que queria comprar? Por plantar em "grande quantidade" uma planta que não causa danos ao ambiente? Que dano este cidadão causou a sociedade para ser punido com a reclusão?

É triste ver alguns defensores da legalização criticando o amigo cultivador dizendo que ele "foi burro por plantar demais e merece a prisão". Infelizmente este críticos não tem o mesmo empenho para condenar a lei de drogas que faz de um cidadão pacífico um criminoso.

Quem dera que todos os traficantes fossem como esse. Quem dera que todo vendedor de maconha realizasse esse comércio sem armas, sem oprimir uma comunidade e oferecendo um erva de alto nível. A realidade esta longe disso porque a proibição fez da compra e venda de drogas um negócio perigoso, violento e estimulador de corrupção.

Mesmo com essa lógica repressiva o cultivador de Campinas estava tocando seu cultivo de paz, que só acabou com a chegada da ordem…maldita ordem!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina