Mais uma Casa livre do Preconceito!

Caos in Casa

hempadao 1 abril, 2014

Olá, meu nome é J. e fumo ganja desde os 14. Nunca fui de comprar, mas sempre pedia para uns amigos. Da minha personalidade em casa, nunca fui muito de esconder segredos, pelo menos não os que sejam importantes. Não sou o aluno ideal, mas nunca tive problemas, e sempre fui muito envolvido com a arte. Seja na área da dança, teatro, musica, desenho. E eles sabem disso.

No final do ano passado, meu pai, que é casado com uma mulher que fuma me perguntou se eu já tinha usado maconha. Não neguei, e ele não me julgou e disse que pela minha idade é até comum!

Mas moro em SP com a minha mãe, e ela é bem chegada em álcool, mas maconha só foi presente na parte de universitária. Hoje decidi admitir que fumo, embora pouco. Ela deu um sermão não contra o uso da erva, mas mostrando que a erva não é tão essencial na minha vida e falou dos perigos presentes. Foi sermãozinho básico de mãe.

Mostrei o vídeo do Tomazine de pais e maconha, Ela assistiu, comentou e por enquanto está tudo certo. Cheguei a conclusão que: se você tem a confiança de seus pais, e sabe que pode algum dia rodar, não há nada mais confortável do que assumir o que faz.

Diálogo sempre é melhor do que ela descobrir que você faz isso escondido.

Vlw, galera! Muita luz e ganjah de cada dia! Paz!

Relato de um leitor enviado para redacao@hempadao.com



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina