Maconha incentiva a geração de neurônios e tem propriedades ansiolíticas e antidepressivas

Discovery Hemp

hempadao 7 abril, 2013

por Guilherme Scalzilli

Parece delírio, mas é a conclusão de uma pesquisa realizada por psiquiatras, neurologistas e biólogos das universidades de Saskatchewan (Canadá), Xian (China) e Maryland (EUA). Os resultados do estudo, em inglês e com ricas ilustrações, está disponível aqui.

Eis um trecho da introdução: “Nós demonstramos que, após um mês de tratamento continuado com HU210 [um canabinóide sintético], os ratos apresentaram aumento de neurônios recém-nascidos no hipocampo e reduções significativas nos comportamentos típicos de ansiedade e depressão. Assim, os canabinóides parecem ser as únicas drogas ilícitas cuja capacidade de aumentar a neurogênese no hipocampo está possivelmente ligada aos seus efeitos ansiolíticos e antidepressivos.”

A constatação acrescenta pouco aos muitos argumentos favoráveis à descriminalização da maconha, cujos benefícios medicinais já foram comprovados de diversas maneiras, inclusive pelo uso ancestral. Mas ajuda a afastar certas mistificações produzidas pelo poderoso lobby proibicionista brasileiro, ultimamente disposto a frear os avanços da sensatez que se multiplica no planeta. Se depender dessas forças do atraso, o país ficará isolado num arcaísmo jurídico próprio das sociedades mais obtusas e repressivas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina