LSD, meditação e a tecnologia visionaria de Steve Jobs!

Portas da Percepção

hempadao 20 março, 2015

por Filipe Puga

Certamente quando pensamos em LSD dificilmente associamos essa palavra à meditação, raramente ligamos esses dois assuntos a pessoas que se destacaram no campo tecnológico mundial, mas teria essa substancia o poder de aumentar a criatividade para novas ideias que possam ajudar na comunicação mundial? Normalmente uma a cada dez pessoas aceitariam discutir essa suposição de maneira equilibrada, o restante teria uma resposta rápida que terminaria logo de início com a conversa.

Levando em consideração sempre buscar ter respostas verdadeiras e sem preconceitos sobre nada e ninguém, e que existem maneiras de alterar a percepção da mente sem uso de qualquer substancia, surge outra questão, será mesmo que Steve Jobs fundador na Apple fez realmente o uso de LSD? Não foi encontrada nenhuma citação dele a respeito e nem de nenhum familiar, por outro lado um dos primeiros funcionários da Apple se manifestou explicando melhor o assunto.

Daniel Kottke foi um engenheiro da computação que trabalhou com Steve Jobs, em um vídeo ele disse que começou uma amizade com Steve quando ambos estavam lendo o livro “Be here now” traduzindo para o português seria “Esteja aqui agora”, que fala sobre espiritualidade, yoga e meditação, disse também que para Steve o uso do LSD foi umas das melhores coisas que tinha feito porque ele expande sua consciência.

Um artigo do jornal americano “New York Times” alega que ele disse que tomar LSD “foi uma das coisas mais importantes que ele tinha feito em sua vida", outro artigo do “Business Insider” diz a mesma coisa. Steve Jobs também solicitou Walter Isaacson, ex-executivo da CNN para escrever sua biografia. Ele também escreveu biografias de Benjamin Franklin e Albert Einstein. No livro, ele descreve o uso de psicodélicos por Steve.

Como você pode ver, a ideia de que Steve Jobs fez uso psicodélicos parece segurar vários méritos "Tomar LSD foi uma experiência profunda, uma das coisas mais importantes da minha vida. LSD mostra que há outro lado da moeda, e você pode não se lembrar dela quando ela desaparece, mas você sabe disso. Ele reforçou minha sensação do que era importante de criação de grandes coisas em vez de fazer dinheiro, colocar as coisas de volta ao fluxo da história e da consciência humana tanto quanto eu pudesse.”

É importante mantermos a mente aberta sem preconceitos, o amor ao próximo deve ser levado em consideração em questões onde as opiniões são diferentes, buscar uma maneira equilibrada de viver respeitando as certezas de pessoas de outro lugares ou de diferentes culturas. Já se foi comprovado os benefícios de diversas substancias proibidas em diversos países porém o foco maior não deve estar nas drogas mas sim nas melhorias que essas substancias podem ter na vida dos seres-humanos, nos relacionamentos entre as pessoas, podendo mostrar quão importante é o respeito entre as ideias diferentes.

Fontes:

http://www.collective-evolution.com/2015/02/02/did-lsd-and-meditation-make-steve-jobs-a-tech-visionary/

https://www.youtube.com/watch?v=jz9yZFtRJjk

http://www.businessinsider.com/steve-jobs-lsd-meditation-zen-quest-2015-1

http://www.nytimes.com/2008/05/05/arts/05conn.html?pagewanted=all&_r=0



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina