Ingrid, 20 anos, PR [Candidata 002 – Miss Marijuana 2013]

Miss Marijuana 2013

hempadao 8 novembro, 2013

1) Nome, idade, estado onde mora.
Ingrid, 20 anos. Paraná.

 

2) Por que você acha que a maconha foi proibida?
– Porque a partir do momento em que ela foi descoberta, foi vista como um futuro comércio lucrativo. Que poderia ser usada para fins medicinais, assim como também um entorpecente. O fato de terem proibido, acredito eu, não foi inteiramente pela questão de que a maconha te deixa chapadão e que isso é ilegal, mas sim por quê proibindo ela teria um preço, mesmo sendo natural, da terra. E como é que eles poderiam deixar algo tão bom assim sem nem ao menos se aproveitar disso?

3) Trabalha ou estuda? Qual sua área de atuação?
– Eu estava fazendo cursinho pré-vestibular, só que parei por falta de grana, agora vou prestar vestibular no final do ano. Quero me formar em Psicologia. Trabalho agora numa Inspeção Veicular, muito legal.

4) Qual a sua opinião sobre a legalização da maconha no atual contexto político-social nacional?
– Eu acho que para a queda do tráfico é mais que fundamental. Além de que nós não precisaríamos nos sentir uns drogados e perdidos só pelo fato de fumar um depois do trabalho ou com os amigos. O problema é que já denegriram muito a imagem da maconha, jovens que fumam por aí nas ruas, misturando com outros tipos de droga, e isso causa um pré-conceito de que é ela que nos leva à outras drogas, e por isso ainda temos uma visão bem retrógrada em relação a planta. Ela poderia ser legalizada sim, com um preço tabelado e ninguém causaria uma guerra por causa disso. Acho que a partir dos 18 anos você sabe das escolhas que faz!

5) Como você gosta de gastar a onda?
– Fechando os olhos, escutando um som que ajude a relaxar, depois daquele dia chato de trabalho e pessoas chatas, é o melhor jeito de fumar um baseado, e depois tudo que você fizer fica bom de fazer!

6) Uma boa música para ouvir chapada:
– Essa é difícil, mas se tem uma que ajuda a chapar é: Julian Marley – Boom Draw

 

7) Por que você quer ser a Miss Marijuana 2013?
– Eu nunca me interessei por concursos de beleza e todas as coisas que meninas gostam, mas quando eu vi vocês anunciando esse concurso, eu simplesmente achei genial, porque me considero maconheira de carteirinha e nada mais justo eu participar 😀

8) Qual sua opinião sobre as outras drogas?
– Das legalizadas eu uso cigarro e álcool. O cigarro eu queria dar um fim e estou tentando, álcool é algo que eu adoro, principalmente cerveja… Mas as outras drogas ficam fora da minha vontade e curiosidade. Experimentei uma vez cocaína e percebi na hora que para mim era algo sem graça e por saber que é algo ilusório e super viciante, eu preferi ser careta com ela e com o restante das mais fortes. A não ser o ácido que eu adoro e é bem de vez em quando que uso.

9) Se pudesse escolher, moraria no Uruguai, na Holanda ou prefere esperar o Brasil legalizar?
– Como eu sempre fui adoradora da Europa, eu escolheria viver na Holanda, por uma questão cultural, pela legalização e pelo meu futuro, mas acho que quando fosse legalizada no meu país, eu viria pra cá só pra ver isso acontecer mesmo!

10) Há quanto tempo acompanha o Hempadão e o que mais gosta no blog?
– Não faz muito tempo que venho seguindo vocês, mas o que mais gosto do blog é que lá você pode conversar sobre qualquer coisa que te deixa de cara, sem nenhuma frustração. Pode até pedir conselhos e ajuda quando você está mal por te chamarem de maconheiro e além de todas as informações e documentários que te ajudam a entender antes de julgar. É um lugar feito para nós, que apreciamos e usufruímos bem essa planta linda, mas que também tem senso crítico e é um blog inteligente.

SAM_0207



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina