Hora do voto legalized nos EUA

WeedNews

hempadao 2 novembro, 2014

O saldo das eleições para a política antiproibicionista brasileira foi um desastre. A bancada conservadora cresceu muito e o avanço de qualquer iniciativa progressista será praticamente impossível nos próximos quatro anos.

Mas nos Estados Unidos os ventos devem soprar para outro lado. Nas eleições legislativas de 4 de novembro os eleitores do Oregon, Alasca e da capital, Washington, irão decidir se seguem os passos do Colorado e do Estado de Washington e legalizam a maconha para fins recreativos. Na Flórida, os eleitores vão decidir sobre a permissão do uso da droga para fins medicinais.

O sucesso do modelo de legalização já adotado em Washington e no Colorado é um estímulo para eleitores indecisos e incrédulos da possibilidade de vender maconha e controlada. Vale lembrar que nos Estados Unidos o voto não é obrigatório e o primeiro desafio é convencer o cidadão a sair de casa para votar.

Fique atento ao Hempadão para acompanhar a cobertura do voto que pode ampliar a onda legalized nos Estados Unidos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina