Fumos e Lanternas – Não Tapa, mas Chapa #2

Não tapa, mas Chapa

hempadao 19 março, 2015

por Michael Meneses”

fumante-ecod-finalOla Hempadões e Hempadinhas viciados em informações! Sou o Michael Meneses o único Maconheiro do Mundo que não fuma Maconha. Quinta-feira chegou como uma “Ponta” e aqui estou fazendo aquela “Presença”. Para quem não acompanhou nosso primeiro “Fumacê” na semana passada, “Vou passar a Bola” rapidinho: A coluna “Não Tapa, Mas Chapa” serão de narrativas das minhas memórias reais e/ou experiências surreais que vivenciei ao longo de quase 30 anos de “Caretice” ao lado de lariqueiros que Chapam, Torram, mas não se Enrolam na Onda. A ideia é potencializar o efeito do relaxamento, sempre com um Bom Humor "Ácido", em alguns casos tentar despertar alguma reflexão sobre questões polemicas que giram em torno do tema central do site.

O “Tapa” dessa semana é um (dos muitos), momentos loucos que vivi em acampamentos no meio do Mato Verde e/ou em Praias com Sol em Brasas. Ao final um pequeno causo em "Pontas, Flagrantes e Flashes Blacks". Então apertem (O Enter) e boa viagem…

“Fumo e Lanternas”

Sempre fui ligado à natureza, desde criança gostava de aventuras em florestas, em praias desertas e lugares paradisíacos… Comecei a acampar em 1985 e desde então poucos foram os anos que não acampei, especialmente durante o carnaval. Seja com família, namoradas e amigos, lá estava eu relaxando uns dias com a natureza. Logo, vivenciei várias aventuras e des-aventuras nesse tipo de passeio que para muito é um programa de índio, sendo assim…

Certa vez estava acampando de carnaval no inicio dos anos 90, um amigo que estava indo acampar pela primeira vez ficou ciente que não teria como comprar cigarros no meio do mato e resolveu levar em sua bagagem alguns pacotes e não apenas maços de cigarros. Ao me falar isso uma coisa me veio à mente: "Putssss… Vai sustentar o vício do povo!"

Noite-estrelada-acampamento-e1338729239945

Não deu outra em meio ao clima de várias "Perninhas & Cogumelos" meu amigo foi a verdadeira fonte de tabaco da galera. Certa noite um dos "Sustentados" pediu:

"Fulano descola um careta ai!?"

Da onde eles estavam para a barraca era uma distancia de no máximo 3 METROS e tudo iluminado por uma Fogueira e um Lampião, mesmo assim Fulano que gostava de tirar onda de “Guerreiro da Selva” foi buscar o careta com a lanterna acessa, deve ter pensado: “Vai que no calor dessas "Brasas" que experimentei pela primeira vez me perca?!"

Enfim, fulano entrou na barraca acendeu o careta e saiu da barraca com tudo aceso: Careta, Lanterna e Ideia!

Ao ver um cigarro na mão e a lanterna na outra, mas sem conseguir distingui tais "Chamas de Luz" eram aquelas o Sustentado muito PUTO DA VIDA QUESTIONOU:

"PORRA fulano! Para que DUAS Lanternas?!

"Pontas, Flagrantes e Flashes Blacks"

Muitos são aqueles que vivem cercados de pentelhos que ficam pedindo para degustar a erva pela primeira vez, mas nem todos curtem receber tal incumbência, seja pela questão da responsabilidade, seja pelo reparte. Algo parecido aconteceu com Ninhozinho que tinha um vizinho que vivia lhe pedindo sua iniciação. Depois de certa insistência, Ninhozinho deu uma chance ao Pentelho. Não demorou e a Mãe do Pentelho reclamou:

“Ninhozinho seu irresponsável, foi você quem deu Maconha para o meu filho Beber foi?!”

Esse fato é lembrado até hoje nas rodas e fora das rodas!

Dica cultural da Semana:

Festival Roquealize-se na Praça XV de Novembro em Marechal Hermes/RJ INFO: https://www.facebook.com/177830795577265/photos/a.824533074240364.1073741832.177830795577265/1084955401531462/?type=1&theater

Fim de Beck – Por hoje é só e até a semana que vem!

Michael Meneses Não Tapa, Mas Chapa e viaja no papo dos leitores em: https://www.facebook.com/pages/Parayba-Records/177830795577265



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina