Entrevista com o criador do 420App: Guilherme Storti!

ConverSativa

hempadao 9 março, 2015

Hoje é dia de bater papo com uma prata da casa. Geral deve lembrar do Guilherme, autor da coluna REeDUcaÇÃO, espaço que ficou ativo bastante tempo lançando toda semana uma excelente discussão sobre redução de danos, uma das áreas mais importantes quando o assunto é consumo de drogas. Agora ele está empenhado na militância informativa através do 420App, que a gente já andou divulgando por aqui. Mas para conhecer melhor a persona por trás do app, aqui está essa conversativa com o brother diretamente da Bahia de São Salvador. Leia:

308446-thumb

1) Conta como foi a história da criação do App. Quem faz parte da equipe e como foi montar e distribuir o aplicativo.

Primeiramente eu quero agradecer ao Hempadão pelo convite para esse bate papo.

Então, o app surgiu através de uma inquietação que eu tinha em relação às informações sobre drogas que eram passadas para a sociedade. Como trabalho com redução de danos, vejo todos os dias o quanto a desinformação ajuda a demonizar a figura do usuário de drogas. Certa vez eu estava lendo alguma notícia na internet e vi algo sobre um aplicativo estrangeiro e logo procurei para baixar e ver como funcionava. O aplicativo era bem simples e se resumia a falar de algumas variedades de espécies de maconha. Ao conhecer esse app procurei algo em português e com informações mais abrangentes e para a minha surpresa não tinha nada a respeito, daí surgiu a ideia de investir em algo do tipo.

Desde a época em que eu escrevia para o Hempa, já tinha vontade de conduzir algum projeto voltado à informação para o usuário de drogas mas ainda não tinha achado o canal certo para essa experiência. Depois de ter a ideia fui ver a viabilidade e os valores me assustaram bastante, bancar um app do meu bolso era completamente inviável, daí eu conheci uma plataforma que hospeda aplicativos e vi que por ali poderia surgir uma possibilidade importante e chamei Derlei (designer do 420 App) para me ajudar com o layout do app. Assim surgiu a primeira versão do 420 App, após uma tarde de vários baseados, ouvindo Raimundos e muita conversa via facebook pra ajustar tudo na plataforma.

Depois de lançada a primeira versão, comecei a perceber que a receptividade do app foi muito boa mesmo sem estar na play store, no primeiro mês chegamos a mais de mil downloads sem praticamente ter investido em divulgação. Reuni os dados e fui correr atrás de uma equipe.

Hoje o aplicativo conta com 5 membros trabalhando ativamente. Além de mim e Derlei que é designer, tem o Ciro, que é programador, Cacá que é advogado e Shaddai que também é Designer. Passamos por alguns percalços no caminho com uns programadores que se comprometeram com o projeto e não levaram a diante, mas hoje a equipe tá firme e forte, a todo vapor.

Depois de 9 meses, desde o lançamento da primeira versão até o lançamento na Play Store, conseguimos, enfim, alcançar a nossa primeira meta, que era estar disponível para os dispositivos Android. Agora estamos passando por alguns ajustes e logo pretendemos alcançar a próxima grande meta, que é disponibilizar o app para iOS, e futuramente para as demais plataformas.

2) Tu não é desconhecido do público do Hempa, fala pra galera como foi colaborar aqui no site e diz aí… pretende voltar?

Pois é, fundei e assinei a coluna REeDUcaÇÃO, sobre Redução de Danos, por mais de um ano. Parei de publicar, pois precisei focar em outras atividades, naquele momento. A volta é pensada desde o dia em que eu parei, sempre gostei muito de escrever pro Hempa. Penso em voltar a escrever logo em breve e com uma proposta um pouco diferente da anterior, mas sem deixar as raízes, é claro. Em breve teremos novidades por ai, podem cobrar…

3) Nos primeiros dias no ar, quais foram as maiores alegrias?

Po, a cada atualização do número de downloads é uma alegria diferente. Ver o app repercutindo entre os usuários e a mídia tem sido muito gratificante, saiu uma matéria e entrevista comigo na Revista Fórum que deu bastante visibilidade ao trabalho que está sendo realizado com essa ferramenta. Mas sem sombra de dúvidas o que tem me dado alegrias constantemente é ver a interação de usuários do Brasil inteiro no “Mural de Recados” do 420 App. Tá sensacional, emocionante!

4) Qual seu objetivo principal com o 420app?

Meu objetivo é levar esse aplicativo para o máximo de pessoas possíveis. Acredito muito no potencial dessa ferramenta informativa e acredito que só conseguiremos fazer uma grande revolução dentro da política de drogas quando tivermos uma população bem informada e esclarecida sobre essa temática.

5) Quais foram as maiores dificuldades para criar e botar o app na pista?

Achar uma equipe comprometida. Tive alguns problemas com programadores que não sustentaram estar nesse tipo de projeto. Passamos 9 meses para lançarmos a primeira versão pra android em função desses percalços. Infelizmente esse tipo de coisa acontece, ainda mais em projeto colaborativo onde não há nenhum tipo de investimento e remuneração. Hoje tenho muito a agradecer a equipe que trabalha junto nesse app, todo mundo trabalhou pesado até hoje para ver o aplicativo acontecer, todos acreditam no potencial desse projeto e é muito gratificante trabalhar ao lado de pessoas que acreditam no que estão fazendo.

6) E os planos para o futuro do aplicativo, quais são?

Agora estamos ajustando alguns detalhes, pois o app ainda não está completamente pronto, mas a próxima grande meta, com certeza, é disponibilizar o 420 App para os dispositivos iOS através da Apple Store, e em seguida para as demais plataformas, assim como lançar nos idiomas espanhol e inglês.

7) Aqui é seu espaço para, mais uma vez, dialogar com a galera… deixa seu recado ae e parabéns pela militância!!

Queria mandar um grande “Salve” aos leitores do Hempadão e pedir pra que vocês fortaleçam o app baixando e recomendando aos amigos. O 420 App é um aplicativo pensado por militantes da causa e veio pra ajudar a suprir essa carência de boas informações sobre drogas nos dispositivos móveis. Caso alguém queira tirar alguma dúvida, mandar alguma crítica ou sugestão pode mandar email para 420aplicativo@gmail.com. Vamo que vamo que a luta não pode parar nunca! Parabens ao Hempadão por toda a sua história de militância, sem sombra de dúvidas esse blog e todos que passam por aqui dão uma grande contribuição para esse debate tão importante.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina