E se a polícia pegar? – REeDUcaÇÃO #25

REeDUcaÇÃO

hempadao 17 abril, 2013

por Guilherme Storti

Salve, salve!

Então, pessoal, alguém já parou para pensar nessa singela perguntinha que atormenta a cabeça de boa parte dos maconheiros desse Brasil? E se a polícia pegar, como faz?  Pois é. Com certeza essa é uma questão que a grande maioria já pensou, mas muitos com certeza desprezam essa hipótese e acreditam que nunca nada de ruim vai acontecer.

A redução de danos também pode te ajudar na esfera criminal, afinal de contas, quando a polícia te pega com maconha na mão, a depender da situação, pode ser um dano irreparável na sua vida.

 

O mais importante, por mais difícil que seja, é manter a calma e o respeito com los hombres de la lei. Tod@s estão cansad@s de saber o quanto a nossa polícia é desqualificada para o tratamento com os usuários de drogas em momento de “flagrante”, então evite conflitos com os policiais. Bater boca e ficar procurando argumentos na grande maioria das vezes só vai te prejudicar. Todos sabem que policiais não gostam de ser questionados, porém, se deseja argumentar alguma coisa seja bastante seletivo com as suas palavras e tonalidades de voz, pois repito mais uma vez que o conflito nunca é interessante para o usuário.

Muitas vezes, por mais banais que sejam os motivos, os policiais tentam coagir o usuário e muitos deles acabam levando com que usuários sejam enquadrados como traficantes. Tod@s aqui sabem que usuário é uma coisa e traficante é outra totalmente diferente e na hora de assinar o B.O é importante prestar atenção nesse detalhe.

Sempre procure um advogado de confiança em caso de maiores transtornos. Ter um advogado é o seu direito e ele deve ser exercido sem nenhum tipo de negativa por parte da polícia. Apesar da lei 11.343/2006 não especificar claramente a diferença entre usuário e traficante, mantenha-se posicionado quanto à sua categorização perante a lei.

O artigo 28 é um tanto quanto confuso, assim como toda a lei, mas vale apena dar uma conferida, pois é neste artigo que cidadãos são enquadrados como usuários:

44F1E8EF687A454888E5155E508E8740Art. 28.  Quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar será submetido às seguintes penas:

I – advertência sobre os efeitos das drogas;

II – prestação de serviços à comunidade;

III – medida educativa de comparecimento a programa ou curso educativo.

Outro ponto muito importante é que sempre que você estiver em uma abordagem policial, se perguntado se ainda há alguma quantidade de drogas em sua posse, NUNCA omita essa informação para o policial, pois independentemente da sua resposta ele vai averiguar a situação e caso encontre alguma quantidade a mais de droga as coisas podem se complicar mais para você.

Sempre procure mostrar para o policial que você é uma pessoa íntegra, que não pratica nenhum tipo de crime e não possui associação com o tráfico de drogas, por mais que o policial tente te induzir a assumir isso, mantenha o seu posicionamento quanto usuário.

Semana que vem daremos continuidade às orientações de redução de danos perante a lei, pois elas são tão importantes para você quanto cuidar da sua saúde. E ai, quantos de vocês já tiveram experiências com a polícia? Contribua com a coluna e deixe o seu relato.

Vamos ao debate!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina