Drogas Lícitas como Porta de Entrada – Mais um Caos in Casa!

Caos in Casa

hempadao 30 setembro, 2014

Toda segunda-feira o Caos in Casa revela, na íntegra, relatos dos leitores e suas experiências com drogas e família. Hoje quem nos conta a história pediu para não ser identificado. Leia e deixe sua impressão nos comentários:

“Tenho 25 anos consumo drogas desde os 11. Digo drogas pois comecei a fumar(lícitos e não lícitos) e beber nessa idade. Tive problemas com o alcoolismo aos 14, saúde debilitada pois a galera aqui era do gole com força, a falta de grana nós levava sempre pros destilados de pior qualidade.

 

Fumava maconha com os amigos, mas as bebedeiras eram mais constantes e pago ainda hoje por isso com principalmente com problemas gástricos.

Mesmo com as bebedeiras e já fumando mais de um baseado por dia entrei na UFMS em 3º lugar em Geografia e 11º em biologia, mas acabei abandonando pois precisava trabalhar.

Em 2013 assumi a responsabilidade de ser um usuário de drogas responsável(acredito nesse termo sim!) Parei o consumo de álcool e de cigarros de tabaco.

A um mês atrás deixei a porta de meu quarto aberta e meu pai encontrou meu criado mudo da marofa. Estado de calamidade instalado em casa. A família que já tinha problemas com parentes com drogas(crack) caíram matando. Assumi a cara e a coragem e perguntei pro meu pai: Qual a minha atitude de drogado? Quando foi que te roubei ou tive atitudes de drogados? Tenho 2 empregos e estou rumo ao 3º período trabalhando (preciso construir minha casa) e tenho certeza que sou um profissional respeitado na minha área. Após uma semana conturbada e ainda várias de desconfiança, tenho certeza que no fim provarei para eles que apesar de ser um usuário de maconha sou sim um cidadão de bem que trabalha paga os impostos(mais que deveria) e respeita a família.

Fui viajar com meu pai e queimei um na frente dele, pra mostrar que não há babilônia no meu uso (nos dias normais).

Mesmo ainda com algumas desconfianças acho que estou administrando bem tudo isso que aconteceu.

O que tirei de tudo isso?

1º Pode ser ilegal, mas não é imoral.
2º O usuário tem que ser responsabilizado pelos seus atos sim, mas quando eles atingem às pessoas do seu meio.
3º Ninguém tem o direito de obrigar vc a usar drogas ou parar de usar drogas. O uso de drogas é algo que caminha com a humanidade.
4º O mal que tu faz a ti só é de interesse seu e de mais ninguém(se vc paga suas contas neh menor!)

Abraço galera.

Sou grande fã do Tomazzine quando vierem pro MS deem um grito. Tem lugares lindos para ver com os olhos vermelhos!”

Mande sua história pra gente no email hempadao@gmail.com



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina