Conheça a história da Durban Poison!

Histrains

hempadao 17 dezembro, 2013

A pedidos dos nossos leitores, hoje vamos contar a história da Durban Poison, uma Sativa originária da África do Sul, da cidade que dá o nome à planta: Durban. Por lá, hoje em dia, são produzidos milhares de quilos dessa planta por ano.

Essa planta foi “descoberta” nos anos 1970, quando o jovem Ed Rosenthal estava à caça de novas genéticas. Depois de encontrar uma variedade que era a mais rápida da região, levou umas sementes pra casa e começou a trabalhar com elas, cruzando as melhores plantas até obter as plantas com as melhores características. Com esse resultado, deu umas sementes para seu amigo Mel Frank, que trabalhou para alcançar variedades com menor tempo de floração e mais resina.

Quando utilizada com intuito medicinal, é boa para combater a ansiedade e, ao mesmo tempo, continuar focado em suas tarefas. Ela é uma das variedades mais baratas dos dispensários e é geralmente prescrita para pessoas com doenças mais leves, visto que não tem um nível tão alto de THC.

É uma boa variedade para ser cultivada e prefere climas quentes tanto no plantio outdoors quanto indoors. Por isso, é uma planta muito valorizada, embora não seja tão potente. Sua floração é de aproximadamente 8 semanas.

Quer saber a história de outros strains?! Quais? Olhe quantos:

.:. Skunk #1 .:. Blueberry .:. White Widow .:. AK-47 .:. Manga Rosa .:. Bubblegum .:. O.G. Kush.:.Acapulco Gold .:. Maui Wowie .:. Northern Lights .:. Cinderella 99 .:. Jack Herer .:. Big Buddha Cheese.:. Mazar .:. Purple Haze .:. Pineapple Express .:. L.S.D. .:. Orange Diesel .:. Tangerine Dream.:.Strawberry Haze .:. Vanilla Kush .:. Moby Dick .:. Diamond Girl .:. Hindu Kush .:. Amnesia Haze .:. White Rhino .:. Pitbull .:. Purple Diesel .:. Blue Dream .:.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Papelito
Banner Sedina